Especial

Entrevistas e Séries
Os caminhos da renovação na política

O Congresso Nacional é um dos mais caros do planeta. Segundo a Associação Contas Abertas, os 513 deputados e 81 senadores custam, diariamente, 28 milhões de reais aos cofres públicos. Um Congresso caro e com pouca renovação de seus integrantes.

Bancadas revelam jogo de interesses no Congresso

No Congresso Nacional, as chamadas bancadas BBB - da bala, do boi e da Bíblia têm se alinhado nos últimos anos para avançar em pautas comuns, de cunho mais conservador. Entender o funcionamento das casas legislativas é fundamental na hora de escolher seu candidato.

Manter 35 partidos custou 2,5 bilhões em 2018

O primeiro partido político brasileiro surgiu ainda durante o Império, em 1837. Hoje, já são mais de 35 registrados no Tribunal Superior Eleitoral e outros 73 estão se formando. Somente este ano, manter essa estrutura custou aos cofres públicos 2,5 bilhões de reais.

O discurso antipolítica dos candidatos

Os outsiders são figuras que aparecem na cena política em tempos de incerteza. Podem ser atletas, artistas ou apresentadores de programas. A maioria não se elege, mas alguns tornam-se campeões de votos. O eleitor precisa ficar atento ao discurso que eles utilizam para chegar ao poder.

Transparência política depende de mudança do eleitor

Desde 2009, os governos são obrigados por lei a disponibilizar informações sobre a gestão em portais da transparência. No entanto, a falta de atualização e a dificuldade de buscar dados nesses sites distanciam os cidadãos brasileiros de seus direitos.

Livro analisa produção audiovisual de jovens de favelas

Lançada em agosto de 2018, o livro “Comunidades Audiovisuais” aborda a comunicação feita por jovens moradores de favelas a partir da produção de conteúdo audiovisual. Para falar mais sobre a obra, a autora do livro, Lilian Saback, concedeu uma entrevista à TV PUC-Rio.

Escritor congolês refugiado no Brasil relembra tempo na prisão

Autor de duas obras de ficção e cinco livros acadêmicos, o escritor congolês Felix Kaputu está refugiado no Brasil há um ano. Ele saiu de sua terra natal após ser preso em 2006. Desde então, passou também pelos Estados Unidos, Bélgica e Japão.

Memórias da ditadura militar e da resistência em 101 lugares

“Lugares de memória: ditadura militar e resistências no estado do Rio de Janeiro” mapeia 101 lugares que contam um pouco da história brasileira entre 1964 e 1985. O professor José Maria Gómez, do Depto. de Direito, conta como foi a pesquisa para o livro.

Historiador angolano resgata história do Reino do Congo

Autor de livros que contam a história do reino do Congo, o angolano Patrício Batsîkama participou de palestras e cursos e conversou com a TV PUC-Rio sobre seu último livro. Ele também enfatizou a necessidade do ensino de história e cultura da África nas escolas.