Especial

Cria
O homem e a natureza

“O homem que nasce da terra, dela não sai pois em raiz foi formado”. Este vídeo experimental é uma homenagem poética à relação entre o homem e a natureza.

Vila dos Diretórios

Para muita gente, a Vila dos Diretórios é uma segunda casa. E lá todo dia tem música, política, festa, debates e muita arte. Você que está acostumado a ver esse cantinho da Universidade sempre tão movimentado talvez nunca tenha parado para observar os detalhes e as cores.

Você já foi à Bahia?

Não há quem passe pela Bahia e não se encante. Entre tantos encontros e reencontros, a fé, a música, os gostos, a lembrança do que passou e o desejo de retornar. Uma cidade que te abraça com um sorriso e te convida para dançar.

Dias nublados

A semana foi de chuva e dias nublados. Às vezes, por causa da correria diária, nem prestamos atenção à poesia desses dias cinzentos, sem o brilho do sol carioca. Que tal viajar com a gente nesse Cria?

Último Pedaço

Sabe quando você está comendo um doce delicioso de chocolate e o fundo do prato começa a aparecer? É o fim chegando. Dá um sentimento de tristeza no coração que logo é superado pelos pedaços que ainda faltam. Mas, quando o doce é bom, a gente sempre lembra com carinho e saudade. E assim acontece com as outras coisas da vida.

Amizade

Não tem cor, nem cheiro e nem sabor. É uma coisa invisível que liga pessoas de diferentes jeitos, lugares e manias. É um sentimento que não tem idade para nascer e nem endereço para ser encontrado. Ele mora em vários corações e pode ser repartido, compartilhado, multiplicado. Neste Natal, a TV PUC celebra a amizade que nos une e nos faz trabalhar com amor e prazer. Então, se tiver que amar.... AME ZADE!

Ler

Ler é muito mais do que passar os olhos sobre letras e decodificá-las em mensagens. Ler é viver, ler é sentir. O que você sente quando lê?

O Cria é uma seção de trabalhos experimentais e dessa vez aborda o sentimento que a leitura traz.

Fio condutor

E se o amor fosse uma máquina?

O Cria é uma seção de trabalhos experimentais e está de volta com uma música da repórter Fernanda Lemos sobre engrenagens, ou seria sobre o amor?